Evitar o Microondas: será possível? | Dicas De Casa | Dicas e truques para o dia-a-dia

Evitar o Microondas: sim ou não?

Entrei nesta onda! Estou a evitar utilizar o microondas, principalmente para aquecer as refeições das crianças. Mas, admito que tem sido uma luta e uma tarefa muito complicada. Grande parte das vezes, não temos tempo para confecionar os alimentos no próprio dia e deixamos algumas refeições preparadas no fim-de-semana para consumir durante a semana. Todos sabemos que aquecer comida no forno demora o seu tempo, e não funciona quando temos duas ou três crianças (quando não são mais) esfomeadas atrás de nós! “Parece que não comem há 1 ano!!!” Nestes casos, lá vamos nós parar novamente ao microondas!!!

É claro que, se tivermos mesmo de utilizar este aparelho, fazemos questão de ter algum cuidado. Como por exemplo, não utilizar recipientes de plástico, não aquecer em demasia os alimentos para não perderem os nutrientes e para não ficarem ressequidos. Mas será isso suficiente? Hoje em dia, ouve-se tanta coisa, estamos sujeitos a tanta informação que nem sempre conseguimos filtrar o que é bom ou mau.

Vamos analisar aqui algumas das vantagens e desvantagens em utilizar o microondas.

Vantagens

  • Aquecer mais rapidamente. Sem dúvida que esta é a maior vantagem do microondas. Para aquecer um prato de comida bastam 2 ou 3 minutos e para cozinhar certos alimentos bastam uns 10 minutos e está pronto a consumir;
  • Consegue-se descongelar um alimento em tempo recorde, controlando melhor a exposição a bactérias;
  • Não se suja tanta louça, visto que podemos aquecer e consumir no mesmo recipiente;
  • Os alimentos são cozinhados na sua própria água, por isso, conseguimos preservar as vitaminas e minerais, se não estiverem muito tempo expostos ao calor;
  • Não há necessidade de inserir tanta gordura (ex: azeite) para evitar que o alimento se “cole” às paredes do recipiente;
  • Permite poupar dinheiro. Por exemplo, se tiver um microondas no seu escritório pode levar a sua própria marmita. E quem não gosta de uma verdadeira marmita?

Desvantagens

  • Tem uma capacidade reduzida, ou seja, só permite aquecer comida em pequenas quantidades;
  • É difícil controlar o tempo de aquecimento, pois varia de aparelho para aparelho;
  • Não se pode utilizar a potência alta em todos os alimentos. Estes podem ficar ressequidos ou queimados.
  • Alguns alimentos podem “rebentar” se o interior aquecer em demasia (ex: salsichas);
  • Não aquece os alimentos uniformemente. Ou seja, as partes menos densas aquecem mais rápido e as restantes ficam frias. Por vezes, há necessidade de aquecer novamente.
  • Apesar das medidas de segurança, é possível que exista uma fuga de ondas e que possam provocar queimaduras no corpo.

É claro que temos de medir sempre os prós e os contras do microondas. Para além disso, devemos aprender a lidar bem com o nosso aparelho ou com aquele que lidamos frequentemente, para tentar gerir os tempos e controlar bem a temperatura. Só assim, conseguiremos tirar partido do microondas sem colocar em risco a qualidade dos alimentos e a nossa própria saúde!

Deixe uma resposta

Também Pode Gostar