Tem filhos? Saiba como manter a sua sanidade

Se tem filhos, de certeza que já passou pela experiência de acabar o dia completamente E-S-G-O-T-A-D-O e não ter capacidade (nem mental, nem física) para fazer o que quer que seja. Não tem paciência para lavar nem mais um prato, nem para passar mais uma peça de roupa e muito menos para brincar com as crianças (já só as quer ver na CAMA)!

O remédio para essa “maleita” chama-se: TIRAR TEMPO PARA SI!

A boa notícia é que este remédio não precisa de receita médica! Apenas um pouco de preparação e organização serão suficientes. Verá que irá conseguir “carregar novamente as suas baterias” para poder continuar a exercer ainda melhor o seu papel de Pai ou de Mãe.

Para poder fazer uma pausa (e restaurar a sua sanidade mental), seguem algumas sugestões que o ajudarão a relaxar e a recarregar baterias.

Cuide do seu corpo

banho

Agende uma ida ao cabeleireiro, à manicure, à pedicure ou ainda melhor, marque uma massagem de relaxamento. Se gosta de desporto, opte pela corrida ou pela caminhada. Basta uma hora para se desligar de tudo, incluindo do seu trabalho e do seu papel parental.

Se não pretende gastar dinheiro, pode optar por “ir a banhos em casa”. Encha a banheira e tome um banho de espuma com direito a velas, música e um bom livro (se gostar de ler, claro). Vai conseguir abstrair-se do seu dia esgotante!

Tire uma noite de “folga”

jantar

Marque um “encontro” com o seu parceiro. Será uma ótima oportunidade para falarem da vossa relação e para relembrarem de como é bom estarem só os dois sem ninguém para “segurar a vela”! É muito importante para o casal partilhar uma atividade ou passar tempo de qualidade juntos. Os seus filhos irão gostar de ver os Pais a investir na sua relação enquanto casal. Por exemplo, se gosta de filmes, porque não ir ao cinema?

Se não pretende gastar muito dinheiro, pode sempre levar os filhos a dormir em casa dos avós ou de outros parentes e preparar em casa um jantar romântico com direito a uma sessão de cinema (incluindo sumo e pipocas).

Tenha conversas de adultos

amigos

Esqueça de vez em quando o “Panda” ou o “Ruca” e marque um jantar com amigos. É sempre bom partilhar ideias e fugir um pouco à rotina infantil! Não se esqueça que o seu filho de 8 anos não irá perceber os seus problemas nem conseguirá partilhar as experiências de vida da sua faixa etária. Por isso, tente passar algum tempo com outros adultos.

Faça uma “siesta”

siesta

Opte por fazer uma sesta sempre que possa. Confesso que nunca gostei muito de dormir (porque sempre achei uma “perda de tempo”). Mas desde que fui Mãe, percebi a importância do sono! Umas boas horas de descanso são um verdadeiro milagre para levantar o seu bom humor! Aproveite o fim-de-semana para o fazer. Cá em casa, a praxe costuma ser ao domingo!

De vez em quando, também pode pedir ao seu parceiro para ficar com os meninos de manhã. Desta forma, poderá ficar na cama até um pouco mais tarde.

Tire tempo para estar sozinho

livro

Vá passear pelo parque, correr, beber um café ou ler uma revista ou jornal. Tirar tempo para estar sozinho é uma forma de o ajudar a refletir e a manter a sua sanidade. Quando se é Pai, está-se constantemente em “alerta”, seja para manter a segurança física dos seus filhos, seja para cumprir horários e rotinas. (Nem na casa-de-banho estamos sozinhos!) Isso acaba por se tornar muito cansativo (para não dizer EXTREMAMENTE)! Também há a questão do barulho! Quem é Pai sabe dar o devido valor a uns minutos de SILÊNCIO!!! Sabia que este é bom para controlar a tensão arterial?

Estes são alguns exemplos que tento aplicar na minha vida e no meu dia-a-dia. É claro que têm de ser adaptados aos gostos e preferências de cada Pai ou Mãe. Mas comigo funciona!

mascaraSe já viajou de avião conhece uma das regras fundamentais de segurança: em caso de emergência, coloque primeiro a sua máscara de oxigénio e só depois a dos seus filhos. Isso aplica-se também na sua vida. Para poder cuidar bem dos outros, tem de cuidar primeiro de si! Portanto, se quer exercer bem o seu papel de Pai ou Mãe não se esqueça NUNCA de aplicar primeiro a “sua máscara de oxigénio”!

 

Deixar uma resposta

Também Pode Gostar